Mãe força filha a casar em troca de tapete e porco.


Na Austrália os casamentos também acabam em porcaria. A Justiça do país prendeu neste sábado (9) uma mulher que sequestrou a própria filha, de 17 anos, e obrigava a coitada a se casar. Não que o noivo fosse feio, mas é que a sogrona só queria mesmo o dote do rapaz.

Se fosse uma bolada de milhões dólares, a filha talvez aceitasse tudo. Mas a maluca da mãe dela queria mesmo o jogo novo de tapetes para a sala e o porco - isso mesmo, um porco - oferecidos pelo garanhão.
O jornal local Sunday Star-Times noticiou que a menina, nascida em Tonga, um arquipélago a leste da Nova Zelândia, fugiu em disparada quando descobriu que teria de se casar em troca de um porco.
A mãe - com ajuda do maridão, que não é o pai da pobre coitada - a encontrou, encheu ela de palmadas, e levou ela de volta para o altar.

Os dois serão acusados de sequestro, entre outros crimes, e podem pegar até 14 anos no xadrez. Para o azar da mãe, a Justiça deve vetar os tapetes e o porquinho no xilindró. Quem deu mais azar ainda foi a menina, que acabou casada contra a sua vontade com o dono do porquinho.

0 Protestos:

Postar um comentário

Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google para aparecer seu AVATAR.

Obrigado pela visita[Nosso twitter @jumentonet]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More