Não vendo por nada

laudius Lousien vive em um casebre simples, sem eletricidade ou água encanada. Mesmo assim, o sujeito recusou uma oferta de cerca de R$ 106 milhões (US$ 60 milhões) por seu terreno.

Para ter uma ideia da vida humilde que Lousien leva, ele dorme em uma cadeira reclinável bastante barulhenta e velha, pois foi usadas durante anos por turistas de hotéis cinco estrelas para tomar banho de sol.

Seu estilo de ida é orgânico. O homem geralmente janta os peixes que ele mesmo pesca e os cozinha em uma fogueira feita com restos de carvão.

O casebre de Lousien fica no topo de um morro, em Anst La Voute, na paradisíaca ilha de Santa Lucia.

Lá do alto, o humilde homem sente a brisa do mar batendo em todas as direções. Os barulhos que guiam o cotidiano do cara são os sons das ondas batendo na costa, o canto dos pássaros e os estalos do carvão queimando em fogo quente.

Apesar da vida extremamente simples, Lousien é dono de 55 acres de terra em um local deslumbrante, com uma vista linda do mar de cor turquesa.

Ele e seu pai nasceram nas areias da praia. Aos 70 anos, Lousien nunca foi ao dentista ou ao médico.

E, para quem acha que o sujeito é maluco por não aceitar a oferta milionária feita por algum desses poucos Eikes Batistas que vivem por aí, o humilde sortudo tem uma resposta.

- Este é um local bom, gostoso e quieto, com todas estas árvores lindas. Quero ser enterrado aqui.a

0 Protestos:

Postar um comentário

Os comentários deste blog são moderados.
Use sua conta do Google para aparecer seu AVATAR.

Obrigado pela visita[Nosso twitter @jumentonet]

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More